Blog

Avaliação do Usuário

Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa
Segurança do paciente, eficiência em gestão e envelhecimento são os temas do Congresso Internacional que foi lançado no Espaço Gourmet Seguros Unimed

A equipe da Hospitalar, da UBM Brazil e os dirigentes dos principais hospitais e associações da área de saúde brasileira se reuniram na primeira semana de abril em um coquetel de lançamento do CISS17 – Congresso Internacional de Serviços de Saúde. Debatendo “Segurança do paciente: a nova fronteira de qualidade dos sistemas e dos serviços de saúde”, os participantes impulsionaram o assunto que será foco da edição 2017 do congresso que ocorre durante a Feira Hospitalar, a ser realizada no próximo mês.

A doutora Waleska Santos, fundadora da Hospitalar Feira + Fórum, destacou a essência do evento. “Sempre colocamos a Hospitalar como uma ferramenta a serviço do setor. Ao longo desses 25 anos, nos adaptamos às mudanças do segmento, respeitando sempre cada área, mas tentando olhar o todo. Estamos continuamente abertos aos nossos parceiros, observando a luta de cada um, mas sendo neutros para trabalhar pelo benefício do paciente, dos hospitais, valorizando médicos, gestores, administradores, jornalistas e novas lideranças”, enfatiza.

A programação oficial do CISS, ao longo do primeiro dia, levará aos participantes uma sequência de apresentações internacionais e a presença de países como Canadá, Holanda, Taiwan e Argentina foi destaque no coquetel de lançamento. “Além de discutir esta questão da segurança do paciente, que é fundamental para o Brasil, tentamos trazer experiências de países que, de alguma maneira, vêm fazendo uma trajetória diferenciada no setor”, declara o doutor Fábio Leite Gastal, presidente da comissão científica do CISS.

Destacando a importância do congresso como provedor de conteúdo e descentralizador de debates fundamentais para as melhorias na cadeia da saúde, o doutor Yussif Ali Mere Jr, presidente do SINDHOSP (Sindicato dos Hospitais do Estado de São Paulo), mencionou: “hoje o que se discute efetivamente em saúde é a sustentabilidade do setor mantendo qualidade e acesso com custo adequado. Pensando nisso, a importância do CISS é exponencial pois o que mais poderíamos discutir senão sistemas de saúde e experiências que dão certo no mundo?”.

Para o doutor Breno de Figueiredo Monteiro, presidente do congresso e da FENAESS (Federação Nacional dos Estabelecimentos de Serviços de Saúde), debater a segurança do paciente é fundamental para que possamos esquecer o dano do passado e traçar estratégias para gerenciar o risco no futuro. “Sem dúvida a participação dos países é de enorme importância para que consigamos superar nossas dificuldades. É com experiências globalizadas que vamos melhorar e encontrar soluções. Principalmente por vivermos em um país continental, com enormes diferenças. Se não tivermos cuidado, todas as vitórias conquistadas até hoje podem ser perdidas. É óbvio que o erro é humano, mas precisamos errar menos e ser mais humanos”, enfatiza.

Para os países visitantes, há o interesse na visibilidade promovida por uma feira tão ampla como a Hospitalar. Segundo Carol Campos, representante do Canadá, foi uma surpresa visualizar que o país contava com tantos nomes gabaritados interessados em participar. “Este é o primeiro ano que o Canadá vem com uma forte presença no evento. Tanto a província de Quebec quanto a de Ontário abraçaram a ideia e levantaram profissionais de altíssimo gabarito para falar sobre a experiência canadense na segurança com o paciente”, comenta. Já para Nico Schiettekatte, cônsul da Holanda para Inovação, Tecnologia e Ciência, um dos pontos mais importantes é o fortalecimento de laços entre parceiros da saúde promovidos pela Hospitalar. “Como país-convidado deste ano, a Holanda trará organizações e palestrantes com expertise nas áreas de educação, pesquisa e inovação, incluindo startups, símbolo do compromisso com o Brasil”, destaca.

Além de apresentar toda a expertise e cases de sucesso dos países convidados, o CISS17 oferecerá palestras de empresas e especialistas do setor abordando diferentes aspectos relacionados ao tema central. “No segundo dia teremos foco na tecnologia voltada para a segurança do paciente. Trataremos, também, do envelhecimento da população com algumas experiências importantes desenvolvidas tanto nacional quanto internacionalmente”, explica Gastal.

O CISS, que nasceu como um congresso latino-americano, é amplamente reconhecido por todo o setor de saúde no país. Ao possibilitar a integração de diferentes profissionais atuantes na área, envolvendo também a indústria, o empresariado e a academia, o congresso amplia ainda mais sua grandiosidade. “Para nós é motivo de orgulho apoiar a realização de eventos de alto nível como o CISS que compartilha, conosco, valores fundamentais como excelência, sustentabilidade e inovação na saúde”, destaca o doutor Helton Freitas, presidente da Seguros Unimed. “O mais importante é a discussão dos assuntos que envolvem a área da saúde como segurança do paciente e risco, foco deste CISS, que são temas de agregam muito”, concorda Nilo Braccini Pessano, diretor da Interact que, ao lado da Seguros Unimed, Hermes Pardini e Deloitte compõe a grade de patrocinadores do congresso.

A edição 2017 do CISS também conta com apoio institucional de CNS – Confederação Nacional de Saúde; FENAESS – Federação Nacional dos Estabelecimentos de Saúde; SINDHOSP – Sindicato dos Hospitais do Estado de São Paulo; ABIMO – Associação Brasileira da Indústria Médico-Odontológica; ANAHP – Associação Nacional de Hospitais Privados; IEPAS – Instituto de Ensino e Pesquisa na Área da Saúde e ONA – Organização Nacional de Acreditação.

Clique AQUI para visualizar a programação completa, fazer sua inscrição e participar de todos esses debates que promovem o conhecimento e a expertise da classe de saúde no país.

Avaliação do Usuário

Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa

Hospitalar 2017O HCFMUSP (Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo) será o responsável pelo Simpósio "A cadeia terapêutica medicamentosa sob a ótica multiprofissional e interdisciplinar no HCFMUSP", que acontece durante a Feira Hospitalar, no dia 19 de maio. O evento reúne profissionais das áreas de Enfermagem, Farmácia e Recursos Humanos, com o objetivo de debater a cadeia terapêutica medicamentosa com enfoque no paciente e no colaborador.

Avaliação do Usuário

Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa

1.Dia Internacional da MulherNeste 8 de março - Dia Internacional da Mulher, a SBOC (Sociedade Brasileira de Oncologia Clínica) faz um alerta sobre a saúde das mulheres, no que diz respeito à importância da prevenção e diagnóstico precoce dos cinco tipos de câncer mais comuns entre a população feminina, os tumores de mama, colorretal, colo de útero, pulmão, estômago.  

Avaliação do Usuário

Estrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela ativa

A busca por doadores é constante para abastecimento dos bancos de sangue, porém é indispensável, em períodos de epidemias, que a coleta seja efetuada sempre seguindo critérios para avaliação de risco

4.OrientaoDoaoSangueEm destaque, os tubos VACUETTE® utilizados na doação de sangue para triagem das amostras.No próximo dia 25 de novembro comemora-se o Dia Nacional do Doador Voluntário de Sangue e, de olho nesta data, a ABHH – Associação Brasileira de Hematologia, Hemoterapia e Terapia Celular reforça a importância dos cuidados para evitar toda e qualquer possibilidade de transmissão do vírus Zika em transfusões de sangue. Considerando a existência de candidatos à doação virêmicos porém assintomáticos, é fundamental estar atento a toda e qualquer manifestação suspeita.

Avaliação do Usuário

Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa

Parceiros incentivam centros transplantadores a sistematizar dados sobre TMO com curso gratuito

 

3.CopaStar A informação sobre pacientes tratados e desfechos é fundamental para a pesquisa em qualquer doença. No caso das doenças cujo tratamento é o transplante de medula óssea, cujo avanço é recente, mas que tem apresentado grandes mudanças nos últimos 30 anos, essa coleta de informações é ainda mais crucial, inclusive por tratar-se de doenças cuja genética diferenciada de cada paciente, em cada canto do mundo, traz informações ainda mais relevantes para o diagnóstico e estabelecimento de tratamentos personalizados.

Avaliação do Usuário

Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa

Preview do Digital Healthcare Fórum 2017, que acontece no próximo dia 30, irá tratar dos desdobramentos da revolução tecnológica para o universo da saúde nacional

 

2.HealthwaysAcompanhando a tendência mundial de discussão sobre temas ligados às tecnologias digitais no ambiente de healthcare, no próximo dia 30 acontecerá, em São Paulo, o Warm Up1, preview do Digital Healthcare Fórum 2017,que objetiva debater temáticas, ideias e inovações que o fórum abordará na 24ª edição da Hospitalar. Sob o tema “Tecnologias Emergentes em eHealth”, o Warm UP será um espaço para apresentação do programa e conteúdo do Digital Healthcare, assim como para discussão e exposição de tecnologias disruptivas no século XXI, principais tendências da indústria de eHealth, oportunidades e riscos da velocidade das transformações disruptivas na saúde e a situação do Brasil no contexto mundial para investidores e players globais.

Avaliação do Usuário

Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa

Evento acontecerá entre os dias 2 e 5 de maio

3.FehospEntre os dias 2 e 5 de maio, será realizado o 26º Congresso de Presidentes, Provedores, Diretores e Administradores Hospitalares de Santas Casas e Hospitais Beneficentes do Estado de São Paulo, em Atibaia, interior de São Paulo.

O tema deste ano será a ‘Interdependência: reduzindo fraquezas, aumentando forças’, que discutirá a necessidade de interação das Santas Casas e hospitais beneficentes com os governos municipais, estaduais e federal e com a comunidade. Potencializar essas relações é fundamental para as entidades. A Hospitalar é apoiadora institucional do evento.

Avaliação do Usuário

Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa

Desde 1999, mais de 500 mil pessoas já foram atendidas

 

6.cancer de pelePelo 17º ano consecutivo, a Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD) promove, em todo o Brasil, o Dia C - Dia Nacional de Combate ao Câncer da Pele. No próximo dia 26, de 9 às 15h, cerca de 3000 dermatologistas voluntários realizarão consultas gratuitas em 129 postos de atendimento, em 25 estados brasileiros. A previsão é que mais de 30 mil pessoas sejam atendidas durante a mobilização. O atendimento será restrito para análise, diagnóstico e tratamento do câncer da pele.

Na edição de 2015, 23 estados contaram com a participação de mais de 3 mil dermatologistas voluntários e uma procura significativa da população. Cerca de 20 mil pessoas tiveram atendimento gratuito e 13,28% (2.651) delas apresentaram lesões de câncer na pele, sendo já encaminhadas para tratamento.

Avaliação do Usuário

Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa

5.Frum Prmio HealthARQA segunda edição do Fórum + Prêmio HealthARQ, evento organizado pelo Grupo Mídia nesta terça-feira (22) no Espaço Apas, em São Paulo (SP), reuniu mais de 200 arquitetos e engenheiros do setor de Saúde em uma tarde de debates e palestras. A primeira palestrante do evento foi Maíra Macedo, da Green Building, que abordou sobre a Sustentabilidade certificada nas edificações de Saúde.

Logo em seguida, o debate sobre “O desperdício nas construções: é possível fazer mais com menos nas obras hospitalares?” contou com a participação de Marcos Casado, diretor técnico e comercial da Sustentech; Renata Gomes, do escritório Levisky Arquitetos ; Luiz Augusto Contier, da Contier Arquitetura; Vital Ribeiro, presidente do Projeto Hospitais Saudáveis; Salim Lamha, da MHA Engenharia; Enio Moro Junior, da Belas Artes;

Avaliação do Usuário

Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa

ANSO 1° Hackathon ANS é uma iniciativa da Agência de Saúde Suplementar (ANS) em formato de maratona de programação com o intuito de usar a tecnologia digital para criar soluções úteis e inovadoras na divulgação de informações públicas do setor de planos de saúde.